Até 2050 existirá mais plástico que peixes no Oceano


Compartilhe este conteúdo com seus amigos

Pesquisa de instituição internacional apresenta dado alarmante!

Até 2050 existirá mais plástico que peixes no Oceano

Estudo de uma organização internacional faz revelação alarmante a nível global

A organização internacional “Plastic Change” concluiu depois de estudo que “até 2050 existirá mais plástico que peixe no Oceano”. As informações são da agência Euronews.

São despejadas 8 milhões de toneladas de resíduos plásticos e resíduos tóxicos nos oceanos, todos os anos. Um grupo de pesquisadores recolheu dados no Oceano Pacífico, para rastrear o caminho feito pelos detritos de plástico. O plástico não é biodegradável, mas no mar os grandes pedaços podem partir e ser ingeridos por animais marinhos.

Os pedaços de plástico percorrem longos caminhos e vão poluindo o Oceano. A poluição dos rios e oceanos é um problema global. O impacto-ambiental é devastador pois os   plásticos provocam o desaparecimento de um grande número de aves e mamíferos marinhos e destroem os ecossistemas oceânicos. 

Segundo os cientistas, mais de 600 espécies de vida marinha sofrem, diretamente, com esta poluição. E, mais de 90% das aves marinhas, de todo o mundo, têm pedaços de plástico no sistema digestivo, desse modo estamos fadados a uma tragédia ambiental de nível globalizado.


As sacolas de supermercado também englobam a lista de itens poluidores.

Fonte : revistapescaecompanhia.com.br



Informações importantes para se pescar na Argentina na Pousada La Regina

.